quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Resenha - O preço de uma lição

Postado por Ingryd Lessa às 1/11/2012 11:29:00 PM
Sinopse:
”Tem um ditado que diz que o amor é cego. É justamente o contrário. Quando você ama de verdade, é capaz de ver coisas que ninguém consegue. Falam que você não consegue enxergar os defeitos, pura mentira também! Você vê, estão todos lá. Mas vê também algo que só você pode, como lidar com eles e contorná-los. Então, o amor não é cego, ele é a maior lente de aumento que já inventaram.” Como acontece esta coisa chamada amor? Nasce junto com a gente, mas não depende só de nós. A gente sofre e faz sofrer, ama e é amado. E com isso aprende muita coisa. Lições que trazem consequências, problemas e soluções. O preço desse aprendizado transforma o garoto em um homem. Esta narrativa, cheia de incidentes, mostra que – ao contrário do que dizem algumas garotas – os meninos são, sim, capazes de amar. Quais as transformações que o amor pode provocar na gente? O que ele ensina? Qual o seu preço? Acompanhe a jornada de um jovem, transformado pelo amor, à procura dessas respostas.
Resenha:
Na questão sentimental, os homens sempre foram (e sempre serão) um mistério para nós, mulheres. O que será que eles pensam quando estão em um relacionamento? Será que eles realmente gostam de suas parceiras ou aquilo tudo é apenas um passatempo e a menina será um número a mais de uma lista imensa? 
São algumas dessas dúvidas que movem o livro, porém através do ponto de vista masculino. Como um direito de resposta (ou de defesa, chame como quiser) a tantas perguntas, "O preço de uma lição" conta a trajetória da vida de um garoto comum, desde sua infância até seus 22 anos. 
Entenda por trajetória praticamente toda a vida do protagonista, nos seus mínimos e desnecessários detalhes. Somos apresentados aos seus problemas na escola, à primeira (e pseudo) namorada, ao primeiro (e fail) beijo, aos amigos problemáticos e à toda aquela transformação física e mental pela qual o ser humano normalmente passa.
E é depois de alguns relacionamentos mal sucedidos, uma subsequente pegação e destruição de corações femininos que o cara conhece Juliana, uma menina que vai botar seu mundo de cabeça para baixo e seu coração em uma coleira. Mas nem tudo são flores, tudo tem seu preço e nada é para sempre...
****
Antes de abrir este livro, ouvi um comentário de que ele não era muito bom. Não dei ouvidos pois para que eu considere um livro como ruim é muito difícil (vocês não imaginam o quanto). Decidi que ele seria o primeiro do ano e caí dentro... E já nas primeiras páginas senti dificuldade de seguir adiante na leitura. 
Bom, que fique claro: não estou dizendo que o livro é ruim. Tem gosto para tudo nessa vida e se alguém conseguiu devorar este livro em um ou dois dias está de parabéns (porque eu enrolei e demorei mais do que o necessário). E como para tudo no mundo há uma justificativa, eu tenho pelo menos quatro na ponta da língua: narração em primeira pessoa cansativa e confusa, pobreza na linguagem (termos e palavras repetidos várias vezes), história absurdamente comum (nenhum destaque para dizer "uau, por causa disso valeu a pena!)" e muita futilidade com mimimi versão masculina. 
Dando um crédito para o livro por ser o primeiro romance de Frederico Devito e Gutti Mendonça, pode-se dizer que ele é aceitável. Como tem o selo Novo Conceito Jovem, provavelmente atrairá o tipo de público que eles desejam: adolescentes do sexo feminino que são fãs da dupla de autores e que acharão a história linda e romântica. Eu prefiro continuar com a minha opinião e esperar cautelosamente o que mais pode vir por aí... 

Mil beijos e boa quinta! :)

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário e volte sempre!! :)

PseudoEstante Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review