domingo, 27 de outubro de 2013

Resenha: Os Adoráveis - Sarra Manning (Editora Novo Conceito)

Postado por Ingryd Lessa às 10/27/2013 03:14:00 PM
Sinopse:
Jeane é blogueira. Seu blog, o Adorkable, é um blog de estilo de vida — na verdade, o estilo de vida dela — e já ganhou até prêmios na categoria “Melhor Blog sobre Estilo de Vida”; pelo ¬ e Guardian e um Bloggie Award. Adora balas Haribo, moda (a que ela cria, comprando em brechós) e colorir (ou descolorir totalmente) os cabelos...
Cheia de personalidade e meio volúvel, ainda assim Jeane é bacana — mesmo nos momentos em que se transforma numa insuportável...
Mas, certamente, ela não olharia duas vezes para Michael. Porque Michael é o oposto de Jeane.
Ele é o tipo de cara que namoraria a garota mais bonita da escola. E compra suas roupas na Hollister, na Jack Wills e na Abercrombie. Além disso, diferente de Jeane, que é autossu¬ ciente, Michael é completamente dependente do pai, o Clínico Geral que condena açúcar, e ainda permite que sua mãe compre suas roupas! (Embora, para Jeane, o pior mesmo sobre Michael é que ele baixa música da internet e nunca paga por isso.) 
Jeane e Michael têm pouco em comum, além de algumas aulas e uma maçante dupla de “ex” — Scarlett e Barney. Mas, apesar disso, eles não conseguem se desgrudar desde que ficaram pela primeira vez.

Autora: Sarra Manning - Editora: Novo Conceito - Ano: 2013 - Páginas: 384

Resenha:
Você sabe o que é ser um Dork?? Bom, eu também não sabia até ler "Os Adoráveis" e sair procurando sobre isso na internet. Aqui vai uma curta definição sobre isso (fonte):

Os Dorks são pessoas que exercem atividade intelectual em excesso, isto é, pessoas que gostam muito de estudar e de se informar sobre tudo. Fazem o que gostam, da maneira como gostam e se vestem de um jeito bem diferente do convencional.
Um grupo de pessoas que não tende a buscar novas relações sociais, mas que também não se importa com o que os outros pensam sobre isso.

Jeane Smith é isso tudo e muuito mais! Ela tem 17 anos e é uma Dork totalmente assumida, que veste roupas extravagantes compradas em brechós, que troca a cor do cabelo como quem troca de sapato e tem até um blog sobre o seu estilo de vida. Sim, a nossa protagonista é uma blogueira famosa, que tem milhões de seguidores no Twitter e que fez do seu site uma marca, a Adorkable

Só que a Jeane é muito mais excêntrica (leia-se esquisita) do que isso. Além de parecer que ela é ligada na tomada de 220V, ela é sarcástica o tempo inteiro, adora uma discussão acalorada sobre assuntos polêmicos, é totalmente anti social na escola, é independente e se alimenta de balas no almoço. Isso tudo a configura como uma pessoa totalmente oposta ao seu namorado Barney, que é um nerdzão meio banana que, na verdade, já está de olho em outra menina... 

Esta menina é Scarlett, uma patricinha meio sem sal (e sem cérebro, aliás) que namora o garoto super popular do colégio, Michael Lee. Ele é bem gatinho e inteligente, mas é certinho e mauricinho demais! E adivinhe só o que está rolando aqui? Scarlett anda trocando olhares com Barney... Na CARA de Michael. Aí ele resolve procurar Jeane, a pessoa que ele sempre ignorou por completo, para que ela dê um jeito de segurar o próprio namorado. Mas é claro que ela não liga para toda essa besteira e finge que nada está acontecendo. 

Só que, depois de um tempo nesse "A ama B que ama C", Jeane resolve finalmente que vai dar um jeito nessa situação. Até porque Michael ~chato~ Lee não para de pegar no pé dela, cobrando uma solução! Apesar disso, por trás da fachada de se fazer de inimigo, Michael começou a seguir Jeane no Twitter anonimamente e anda batendo bastante papo com ela... #estranho

Agora vem a melhor parte deste rolo: Jeane, cansada de estar com uma pessoa que nitidamente não gosta dela, resolve dar uma forcinha para Barney e Scarlett (que também já não gosta de Michael). Só que ela faz com que Scar dê um belo pé na bunda de Michael e deixa o cara completamente descontrolado! Ele fica tão louco que vai discutir com ela e acaba derrubando-a de sua bicicleta, de uma forma meio sem querer querendo sabe? É depois disso que eles se aproximam cada vez mais até que um dia... rola um beijo. E depois rola mais outro, e outro, e muitos outros!

Ai gente, eu simplesmente AMEI este livro! Ele é tão cheio de quotes e diálogos inteligentes, bem humorados e sarcásticos, tipo, o tempo todo! E esse "tipo" que eu usei é o clima da escrita. A autora escreve muito bem, de uma forma voltada para os adolescentes e com uma linguagem muito apropriada para leitores numa faixa de 15 a 18 anos. Mas pense que eu tenho 21 e mesmo assim curti muito a história!

Devo admitir que mesmo a Jeane sendo maluca de vez em quando, ela é sensacional e merece um post só para ela! E ela faz um casal tãão adverso com o Michael que se torna engraçado! O livro é baseado em capítulos alternados contados em primeira pessoa, ora por Jeane, ora por Michael. Isso nos permite ver os dois pontos de vista de uma mesma situação, e eu AMO ter esse controle!

Os temas abordados e as situações vividas pelos protagonistas são muito bem escolhidos e explorados, de forma que nada fica mal explicado ou pela metade. O livro tem começo, meio e fim muito bem estruturados. Falando em fim, juro que fiquei triste quando terminei a última folha! :( Já tinha me acostumado a rir horrores com as maluquices da Jeane, que acabava carregando o Michael e causando uma calamidade algumas vezes.

Se você quiser se divertir bastante com um romance meio às avessas, eu te indico "Os Adoráveis". Tenho certeza que você vai se apaixonar por Jeane, Michael, pelo casal, suas discussões constantes e seus perrengues pessoais /familiares. Só cuidado para não ser influenciado a ir para o lado Dork da força... :)

Beijoos,

2 comentários:

Sil disse...

Eu não sabia o que era e lendo a descrição percebi que meu primo é. Dos lançamentos do mês da editora, esse era o que menos tinha chamado a minha atenção e agora lendo a sua resenha, percebi que vou adorar ele. Gosto muito de livros assim que me fazem rir. Eu já passei dessa faixa etária, mas adoro romances juvenis.

Mariana Marins disse...

Já tinha me interessado pelo livro desde que li a sinopse porque, francamente, UMA PROTAGONISTA QUE É BLOGUEIRA!!!! Até relevei essa capa desnecessária da Novo Conceito porque a história realmente pareceu ser muito boa. Eu tenho quase 20 anos e tenho certeza que vou adorar o livro independente da minha idade, assim como vc. By the way, ótima resenha!

Bjs! nasquartasusamosrosa.blogspot.com.br

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário e volte sempre!! :)

PseudoEstante Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review